18 novembro 2015

Até sexta-feira em Évora: Congresso Ibérico de Primatologia debate extinção de primatas

Três especialistas de renome mundial participam no congresso: Phyllis Lee, Tatyana Hulme e Volker Sommer.

​O Palácio de D. Manuel, em Évora, acolhe ao longo de três dias o 5.º Congresso Ibérico de Primatologia, cuja sessão oficial de abertura teve lugar ontem (dia 17), ao final da tarde, com a presença de Carlos Pinto de Sá, Presidente da Câmara Municipal de Évora. O autarca deu as boas-vindas aos congressistas e aproveitou para dar a conhecer um pouco da história da cidade.

 

​Este encontro conta com a presença de mais de 100 especialistas na matéria e pretende lançar o alerta para "a extinção eminente de algumas espécies de primatas". Discutir a importância da "conservação da biodiversidade das espécies no seu habitat natural e da sensibilização e educação ambiental", é outro dos objetivos.

 

É de destacar a presença de três primatólogos de renome mundial no congresso como oradores convidados: a Professora Phyllis Lee, a Professora Tatyana Hulme e o Professor Volker Sommer;

 

O Congresso Ibérico de Primatologia ocorre de dois em dois anos, alternadamente em Portugal e em Espanha, afirmando-se como uma mostra importante do que se tem feito ao nível da primatologia ibérica, através dos membros das associações científicas portuguesa e espanhola.

prima1.JPG prima2.JPG