09 novembro 2017

Em reunião pública de 8 de Novembro: Câmara de Évora com novo horário para as reuniões públicas

O​ Executivo da Câmara Municipal de Évora adoptou novo horário de realização das reuniões públicas, passando estas a ter início às 18 horas. O dia mantém-se, continuando a ser à quarta-feira, de 15 em 15 dias. Esta decisão advém do pedido feito pelo Vereador António Costa da Silva (PSD) para poder melhor gerir os seus compromissos, uma vez que além de Vereador continua a ser Deputado na Assembleia da República.

 

Foi também aprovada por unanimidade a suspensão de Mandato apresentada pela Vereadora Sara Fernandes, por cerca de um mês, por estar envolvida num projecto científico internacional. A substituí-la, esteve já o Vereador Alexandre Varela, o seguinte nome na lista da CDU apresentada às Autárquicas.

 

De salientar ainda, no Período Antes da Ordem do Dia, a intervenção do Vereador da Cultura, Eduardo Luciano, que deu conta da apresentação, em Paris, da candidatura de "Évora Capital da Cultura 2027". O autarca considerou ter assumido a candidatura como "Évora/Alentejo", tendo o balanço da participação "sido muito positivo do ponto de vista da divulgação do território, quer de Évora, quer do Alentejo".

                               

Dada a importância do tema, o Presidente do Município, Carlos Pinto de Sá, sugeriu o agendamento deste assunto para uma próxima reunião, onde será feita uma apresentação mais pormenorizada do trabalho já desenvolvido e a troca de ideias quanto à metodologia a seguir.

 

Os Vereadores António Costa da Silva (PSD), Elsa Teigão e João Ricardo (PS) também colocaram questões sobre diversos assuntos de interesse municipal que foram respondidos pelo Presidente e Vereadores dos respectivos Pelouros.

 

Nesta reunião, foi ainda aprovado por unanimidade um vasto conjunto de pontos técnicos referentes às áreas da Administração Geral e Pessoal, Cultura, Património e Centro Histórico, Educação e Intervenção Social, Juventude e Desporto, Gestão Urbanística, Jurídico e Desenvolvimento Económico.

RPC 08 11 2017.jpg