18 dezembro 2018

A Câmara Municipal de Évora une-se às felicitações ao investigador Miguel Bastos Araújo a quem foi atribuído o Prémio Pessoa 2018

Esta é a primeira vez que a distinção é atribuída na área do Ambiente e deve-se ao contributo deste investigador para o “desenvolvimento de mecanismos de gestão e redução da incerteza, no sentido de permitir uma melhor protecção da biodiversidade no quadro das alterações climáticas”.

O Prémio Pessoa, patrocinado pelo Jornal Expresso e Caixa Geral de Depósitos, tem distinguido portugueses nas áreas científica, artística ou literária, desde José Mattoso, historiador, no primeiro ano em que foi atribuído, em 1987, passando por Maria João Pires, Cláudio Torres, José Damásio, Carrilho da Graça, José Cardoso Pires, Eduardo Lourenço e, também, o nosso conterrâneo José Manuel Rodrigues.

De parabéns está também a Universidade de Évora, por ter avançado com esta candidatura e, sobretudo, por criar condições para que a investigação científica mais diferenciada seja uma realidade fora dos grandes centros científicos nacionais.