09 março 2016

Debate sobre as Mulheres em território de guerra: Continua o programa do Dia Internacional das Mulheres

​"Testemunhos de mulheres em territórios de guerra – a questão das refugiadas" é um convite ao debate público. Porque as questões das Mulheres são de todos os dias, está marcado para esta sexta feira, 11de Março, às 18 horas, na Sala dos Leões nos Paços do Concelho de Évora.

 

A Presidente do Conselho Português para os Refugiados Maria Teresa Tito de Morais Mendes, a artista plástica Joana Villaverde que fez residências artísticas na Palestina, a Vice-Presidente do Parlamento Pan-Africano e membro da União Nacional das Mulheres Saharauis, Suelma Beiruk, e o Presidente do Município de Évora Carlos Pinto de Sá, constituem a mesa  deste debate que vai ser moderado por Regina Marques da Direção Nacional do Movimento Democrático das Mulheres.

 

Ainda no âmbito das comemorações do Dia Internacional da Mulher muitos cidadãos fizeram questão de enlaçar os seus sonhos na Árvore da Igualdade, que esteve na Praça de Giraldo durante todo o dia 8 de Março. Ao final da tarde, decorreu um momento comemorativo com intervenções de Joana Sofio, do Movimento Democrático de Mulheres e da Vice-Presidente da Câmara Municipal de Évora, Élia Mira. Aconteceu ainda uma serenata às mulheres com Tunas Académicas da Universidade de Évora e um jantar no Monte Alentejano que promoveu o convívio entre mais de uma centena de pessoas.

 

Na Praça do Giraldo, ao final da tarde deste dia 8, Joana Sofio falou em nome do MDM de Évora, dos principais sonhos das mulheres.

Élia Mira, Vice-Presidente do Município de Évora, relembrou que as grandes questões de desigualdade são também de género. Apesar de valorizar os avanços feitos, a autarca afirmou que há muito caminho a percorrer. Considerando que mulheres e homens, em conjunto, devem procurar soluções para estas questões e alertou para o papel fundamental da educação. "É desde a infância que se aprende e ensina que as responsabilidades têm de ser partilhadas e que um mundo mais justo e solidário passa pelo envolvimento de todos".

 

No edifício da Junta de Freguesia da Malagueira foi, entretanto, inaugurada a exposição "Talegos, aventais e lenços do Alentejo" aberta ao público até 24 de Março.

Foto1.jpg Foto2.jpg Foto3.jpg Foto4.jpg Foto5.jpg Foto6.jpg Foto7.jpg Foto8.jpg Foto9.jpg Foto10.jpg