03 novembro 2017

Évora esteve em Paris para promover a candidatura da cidade a Capital Europeia de Cultura 2027

A Comissão Executiva da candidatura de Évora a Capital Europeia da Cultura 2027 esteve em Paris ontem, dia 2 de novembro, onde participou na “International Heritage Fair” (Feira Internacional do Património).

Aproveitando este certame organizado pelo “Atelier D’Art de France”, que integra um conjunto de conferências em torno da promoção e defesa do património histórico-cultural a nível internacional, o Município de Évora teve oportunidade de proferir uma intervenção no Salon du Patrimoine Culturel, no Carrousel du Louvre, que teve como base a promoção da candidatura da nossa cidade a “Capital Europeia de Cultura 2027”.

A referida intervenção esteve a cargo do Vereador do Pelouro da Cultura, Eduardo Luciano, que apresentou a cidade à Europa e ao Mundo, qualificando-a como “um cais plantado no meio da planície alentejana” (…)”porto de abrigo, lugar de chegadas e partidas, lugar de encontro de gente, lugar de miscigenação de culturas, lugar de tensões entre a história e a tradição por um lado e a criação contemporânea, o conhecimento e o pensamento crítico por outro”. Referiu ainda Eduardo Luciano que “…em Évora, vive-se e sente-se todos os dias a presença da Cultura como pilar essencial do desenvolvimento…” O autarca referiu-se ainda ao conjunto de desafios que surgem na construção da candidatura de Évora a Capital Europeia da Cultura 2027, assegurando que serão encontradas respostas “com e na cidade”.

Tal como começou, o Vereador do Pelouro da Cultura terminou citando Saramago.

A decisão será tomada em 2022. Até lá, durante os próximos 5 anos, a Comissão Executiva da candidatura irá, em comunhão de esforços com a Cidade, abrir o caminho que conduzirá, estamos convictos, à nomeação de Évora como Cidade Capital Europeia da Cultura 2027.

Leia a intervenção completa acedendo: intervencao_CME_Paris.pdf

DSC05876a.jpg 

23004604_1695506653814621_682857183714063472_o.jpg

DSC05853a.jpg


evora-paris.jpg