22 novembro 2019

Em reunião de 20 de Novembro de 2019: Câmara de Évora avança com projectos de sustentabilidade ambiental

​A Câmara Municipal de Évora aprovou por unanimidade o avanço de dois projectos de significativo valor na área da sustentabilidade ambiental, um relacionado com a gestão da água do Aqueduto da Água da Prata e o outro com o Laboratório Vivo para a Descarbonização de Évora.

O primeiro, incide na abertura de procedimento, aprovação de despesa, aprovação das peças processuais e nomeação do júri de procedimento do concurso público para a Reabilitação de Poços e Nascentes do Aqueduto e execução de um Reservatório e Rede de Distribuição de Água para Rega – Projecto LIFE/Água da Prata. 

O segundo, centra-se na adjudicação do contrato de consórcio para implementação do projecto Laboratório Vivo para a Descarbonização de Évora. O mencionado contrato é assinado entre o Município de Évora, a Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo, Centro de Engenharia e Desenvolvimento (Associação), Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central, DECSIS - Sistemas de Informação, Logistema - Consultores de Logística, MEO - Sistemas de Comunicações e Multimédia e Universidade de Évora.

Refira-se que o projecto LIFE Água de Prata permitirá reduzir os gastos municipais referentes ao consumo de água da rede pública para rega dos espaços verdes e diminuir a dependência que a rega de espaços verdes tem na rede pública de água tratada.

Por seu turno, o Laboratório Vivo para a Descarbonização de Évora visa a criação de um ecossistema laboratorial para o desenvolvimento integrado de soluções (de mobilidade sustentável e uso eficiente do espaço público) que contribuam para a descarbonização do Centro Histórico de Évora.

Um voto de pesar pelo falecimento do músico e compositor José Mário Branco, personalidade marcante da cultura portuguesa, proposto pelo Vereador da Cultura, Eduardo Luciano, foi aprovado por unanimidade.

De entre o vasto conjunto de temas tratados nesta reunião do Executivo Municipal destaca-se ainda o acordo de colaboração para salvaguarda da Anta Grande do Zambujeiro. Este, permitirá apresentar em breve uma candidatura com vista à dinamização das operações de consolidação estrutural daquele monumento. Segundo o Vereador Eduardo Luciano, tal processo resultou de uma reunião conjunta entre a Câmara de Évora, a Direção Regional de Cultura do Alentejo e o proprietário da Herdade onde se localiza o monumento.