16 fevereiro 2017

Rua 5 de Outubro interdita ao trânsito

Medida visa proteger e promover a circulação pedonal

A Câmara Municipal de Évora procedeu ontem, quarta-feira (15 de fevereiro), à interdição da circulação automóvel na Rua 5 de Outubro, através da instalação de pilaretes amovíveis no acesso a esta via a partir da Praça de Giraldo e do Largo Marquês de Marialva.

Esta medida, que visa proteger e promover, em segurança, a circulação pedonal no Centro Histórico, contemplou ainda a instalação destes pilaretes no cruzamento com a Rua de Valdevinos e Rua de Burgos, limitando, assim, a circulação na Rua 5 de Outubro apenas ao atravessamento que liga estas duas artérias, nas condições atualmente estabelecidas.

A implementação destas medidas, que foi acompanhada no "terreno" pelos vereadores João Rodrigues e Eduardo Luciano, responsáveis pelos Pelouros da Mobilidade e do Centro Histórico, incluiu também a interdição da circulação automóvel na Rua Alcárcova de Baixo, bem como a desativação dos contentores subterrâneos ali existentes.

Paralelamente, à aplicação destas medidas para a proteção da circulação pedonal no Centro Histórico, a Câmara Municipal de Évora reforçou na periferia da zona o número de lugares de cargas e descargas, que deverão ser utilizados de acordo com a regulamentação existente: um lugar no Largo Alexandre Herculano, dois lugares no Largo Marquês de Marialva, um na Praça de Giraldo e um na Rua de Valdevinos.

Como forma de garantir o acesso a estas vias em situações de emergência foram fornecidos à PSP e Bombeiros Voluntários chaves para a remoção dos pilaretes em caso de necessidade.

Entretanto, no próximo dia 1 de Março a edilidade irá proceder à instalação de pilaretes amovíveis no acesso à Praça de Sertório a partir da Rua de Olivença e ligação do Largo Alexandre Herculano à Travessa do Sertório.

DSC_9396a.jpg