17 dezembro 2015

Com visitas a empresas nas freguesias de Sª da Saúde e Bacelo: Câmara de Évora dinamizou Jornadas de Desenvolvimento Económico

O objetivo é conhecer no terreno o que está a ser feito, contactar com as várias empresas e ouvir os responsáveis.

​​A Câmara Municipal de Évora realizou, durante a manhã de 17 de Dezembro, a segunda edição das Jornadas de Desenvolvimento Económico, desta vez na área territorial da União das Freguesias de Bacelo e Senhora da Saúde. As jornadas vão prosseguir ao longo do próximo ano em vários pontos do concelho.

Esta iniciativa reuniu os Presidentes do Município, Carlos Pinto de Sá, da União de Freguesias do Bacelo e Sr.ª da Saúde, Gertrudes Pastor, e da respetiva Assembleia de Freguesia, José Serra, assim como técnicos, empresários e representantes institucionais, entre os quais o Parque de Ciência e Tecnologia do Alentejo e do NERE. 

O ponto de encontro foi no edifício da União de Freguesias na Sr.ª da Saúde, seguindo-se a visita aos estabelecimentos comerciais situados na Praceta da Nau, à empresa "Nutrimonte, Lda." (fábrica do Monte Novo), ao Bairro de Stº. António e à empresa "Fialho & Irmão, Lda.", na Horta dos Barreiros (Bacelo). Os trabalhos finalizaram com um debate sobre constrangimentos e potencialidades da atividade económica que decorreu na sala de reuniões da União de Freguesias/Bacelo.

"A iniciativa teve como foco fundamental o desenvolvimento económico", considerou o Presidente do Município, sublinhando que o objetivo é conhecer no terreno o que está a ser feito, contactar com as várias empresas do território e ouvir os responsáveis para podermos melhorar a dinâmica económica que temos em Évora.

 

" Foi uma manhã muito interessante, visitámos um conjunto de pequenas empresas na Rotunda da Nau - o que é de alguma maneira um exemplo de um centro comercial ao ar livre - ouvimos propostas, críticas, sugestões, tomámos boa nota delas e vamos procurar responder". Foram ainda visitadas duas empresas do setor produtivo que também despertaram impressões bastante positivas, a Nutrimonte, na área da agricultura e da produção de rações para animais e a Fialho & Irmão, no fabrico de máquinas e alfaias agrícolas.

 

"Queremos sobretudo que disto resulte alguma coisa concreta para a economia, que se possa traduzir em mais-valia", concluiu o autarca.

JE3.jpg JE4.jpg JE5.jpg JE6.jpg JE7.jpg JE8.jpg JE9.jpg JE10.jpg JE11.jpg JE12.jpg JE13.jpg JE14.jpg JE15.jpg JE16.jpg JE17.jpg JE18.jpg JE19.jpg JE19a.jpgJE20.jpg