17 junho 2016

Transportes Públicos para a Feira de S. João 2016

Câmara de Évora e Trevo criam carreiras especiais para a Feira de S. João

A Trevo – Transportes Rodoviários de Évora, em parceria com a Câmara Municipal de Évora, irá reforçar o serviço de carreira com destino ao recinto da Feira de S. João, criando três novos percursos com início nos Bairros 25 de Abril, das Pites e Cruz da Picada.

Com o aumento da oferta de transportes públicos, para os quais os títulos existentes são válidos e o preço é idêntico, a autarquia e a Trevo procuram desincentivar o uso do transporte particular nas deslocações à Feira de S. João, já que são conhecidas as limitações de estacionamento em redor do recinto.

Sabendo que o perímetro da Feira de S. João volta a centrar-se sobre o Rossio de S. Brás e incluí, este ano, a zona do IROMA e o Mercado 1º de Maio, a Câmara Municipal de Évora apela ao uso dos transportes públicos, em detrimento do automóvel.

A carreira do Bairro 25 de Abril/ Av. Dinis Miranda, tem início às 20h30 e regresso às 23h30 com o seguinte percurso: Bairro 25 de Abril, St.º António, Comenda, Av. Leonor Fernandes e Av. Dinis Miranda.

A carreira do Bairro das Pites/ Canaviais/ Rotunda do Raimundo saí às 21h00 e regressa às 00h00, com as seguintes paragens: B. das Pites, Estrada da Chainha, Rua 4 de Outubro, B. Corunheiras, Av, Fernando Pessoa, B. Frei Aleixo e Rotunda do Raimundo.

A carreira com origem no Bairro da Cruz da Picada começa às 21h35 e regresso às 00h35 assegurando o percurso: B. Cruz da Picada, B. Fontanas, Av. Malagueira, Escola André de Gouveia e Rotunda do Raimundo.

Caso não seja possível “deixar o carro em casa”, a autarquia relembra que existem zonas de estacionamento periféricas às muralhas, cuja distância do recinto acima indicado, as torna compatíveis com o objetivo de “ir à feira” . 
Estão localizadas junto à Estação de Serviço da Galp; ao Terminal Rodoviário; nas imediações do Terminal da Refer; existe ainda a área provisória de estacionamento junto à Mata de S. Sebastião. Próximo dos Hospitais do Espírito Santo, do Patrocínio, e na Rua da República, localizam-se outras três zonas de parqueamento, nestes casos pagas.

Perante os já conhecidos constrangimentos ao estacionamento, a Câmara Municipal de Évora reforça o apelo ao cumprimento escrupuloso do Código da Estrada. Não estacionar em cima dos passeios, em lugares de cargas/descargas e destinados a pessoas com deficiência ou reservados a moradores (no caso do centro Histórico), não impedir entradas e acessos a lojas, habitações, garagens e outros edificios, traduz o imprescindível respeito pelos peões, pelos moradores e por todas das atividades económicas da zona.

Assim, a opção pelo transporte público acaba por ser a solução mais adequada, ambientalmente sustentável, e que permite chegar ao recinto de uma forma tranquila.

Para ver todos os horários dos transportes públicos visite: http://www.trevo.com.pt/