Anta Grande do Zambujeiro

Monumento funerário megalítico, esta estrutura edificada entre os inícios do 4.º e meados do 3.º milénio a.C. pertence, "grosso modo", ao horizonte cultural geralmente aceite para esta região alentejana, pertencendo ao denominado "universo megalítico eborense", cujo protótipo é assumido pela Anta Grande da Comenda da Igreja, em Montemor o Novo. 
Escavada em 1965 pelo investigador Henrique Leonor Pina, esta anta ficou rapidamente conhecida no meio arqueológico por constituír um dos maiores monumentos megalíticos encontrados até hoje na Península Ibérica. Para além disso, encontrava-se totalmente selada dentro da sua mamoa com c. de 50 m de diâmetro na sua base, visualizando-se, tão somente, os topos dos esteios que perfazem a câmara funerária. 
Trata-se de um monumento composto pela típica câmara funerária, de planta poligonal, construída com 7 enormes esteios, com c. de 8 m a partir da superfície do solo, bem como pelo respectivo corredor de acesso, de planta rectangular alongada, com c. de 12 m de comprimento, 2 m de altura e 1,5 m de largura, composto por diversos esteios dintelados de pequenas dimensões. Quanto à cobertura destes dois corpos interligados, verifica-se que a da câmara funerária é constituída por uma única laje granítica, ao passo que a do corredor foi realizada com pequenas lajes adossadas umas às outras. 
Ainda em relação ao corredor, há que referir que a sua abertura encontrava-se assinalada pela presença de um "menir-estela" também ele de assinalável volumetria e profusamente decorado com as denominadas "covinhas". 
Durante as escavações encontraram-se diversos materiais actualmente depositados no Museu de Évora. De entre eles, merecem especial destaque - pela sua conotação ao "universo megalítico eborense" -, as características placas de xisto idoliformes, báculos, colares, para além de uma multiplicitude de objectos realizados em cobre e de um vastíssimo número de artefactos cerâmicos pertencentes ao grupo das taças carenadas alentejanas. 
[AMartins]

http://www.patrimoniocultural.gov.pt​

Herdade do Sobralinho, Valverde

Informações Adicionais