Igreja de São Vivente

O actual edifício surgiu em 1560, em substituição de anteriores oratórios, e apresenta características dentro do espírito tridentino. O interior tem três naves divididas por robustos pilares graníticos, suportando uma cúpula hemisférica, destacando-se o retábulo do altar-mor e a Capela de N.ª Sr.ª da Vitória.

Ao Mestre André de Resende se deve a divulgação da lenda dos Mártires de Évora, os Santos Vicente, Sabina e Cristeta (titulares de Ávila), mártires das perseguições romanas, considerados naturais de Évora. No presbitério existe uma pedra onde, segundo a tradição, está inserida a marca de um pé do mártir S. Vicente.

Na fachada existe também uma estação da Via Sacra da Irmandade do Senhor Jesus dos Passos (de 1720, e reconstituída neste local em 1856).

Largo de S. Vicente

Informações Adicionais

Edifício destinado ao acolhimento de exposições e outras atividades culturais.

Entrada livre.