Exposição de Fotografia: Um Sonho Azul. Chefaouen de Cabrita Nascimento

Horário:
09h30 às 17h30
Inicio do Evento:
04 outubro
Fim do Evento:
04 dezembro
Localização:
Biblioteca do Colégio Espírito Santo - Universidade de Évora

​​UM SONHO AZUL A construção de um enredo onírico efetuado na imaginação do inconsciente do fotógrafo em tons de azul não é despiciente. A cor reflete a frieza que se lhe atribui mas contraposta com imagens carregadas de profundidade, serenidade, infinitude e mistério. O enredo onírico revela-nos contrastes de reflexos de alma, dos caminhos percorridos, dos que o poderiam ter sido e não o foram, das portas abertas, das portas fechadas e das personagens que acompanham as imagens, as personagens que são visíveis e as que não o são, mas que estão presentes, ou poderiam estar. No labirinto do Eu, a lente percorre a profundidade inerente ao seu Ser e aos mistérios que o transcendem. Do frio facilmente somos transportados para o quente da vida, da cor, da serenidade e da revelação do caminho encontrado entre todos os outros caminhos escolhidos e entre todas as portas abertas e fechadas, que nos levam a ir pelo que mais nos atrai, pelo desconhecido de nós próprios e do nosso labirinto. Os nossos sonhos são isto: reflexões profundas de labirintos escondidos nos nossos subconscientes e que não sabemos onde começa a ficção e onde acaba a realidade. Os nossos mistérios são os mistérios dos outros, os nossos labirintos são os labirintos dos outros, os nossos sonhos são os sonhos dos outros e maior parte das vezes todos vivemos "Um sonho azul"... Maria João Correia das Neves Coimbra, Fevereiro de 2017​

Informações Adicionais

ORGANIZAÇÃO: Biblioteca Geral da Universidade de Évora
Contactos: 925680729 | pardalster@gmail.com | http://www.bib.uevora.pt/
APOIOS: Câmara Municipal de Mértola e de Tavira. Universidade de Évora
OBSERVAÇÕES: Inauguração a 04 de Outubro'17 pelas 16h na Biblioteca Geral da Universidade de Évora, no Espaço da Cisterna no Colégio do Espírito Santo. O autor agradece às Câmaras Municipais de Mértola e Tavira o apoio financeiro prestado, sem o qual a exposição não teria sido possível.​
Rua Cardeal Rei