Skip to main content

PELE, Teatro As Avozinhas e Ricardo Guerreiro Campos

Atualizado em 13/09/2021

Acolhimento ‘a bruxa TEATRO’

Sinopse: PELE é um projeto visual e performativo que procura mapear o corpo através das suas relações físicas e dos seus vestígios, intententado numa dramaturgia do branco e da pele. Em PELE o corpo é paisagem e memória e afeto e suor; é o espaço vazio que fica entre os corpos – entre corpo e lugar, entre palavras e gestos, entre ação e inércia. Será o corpo um espaço comum? A ágora é o corpo vivo, respirado – a cama aberta ao mundo. PELE pesquisa, assim, a transversalidade da pele através da anulação identitária. O que é a pele velha? A pele nova? – a PELE é a almofada de todos os corpos. PELE são as escolhas de proximidade na história de cada indivíduo.

Ficha Artística:

  • Direcção Artística e Dramaturgia: Ricardo Guerreiro Campos A partir de textos de Luiz Pacheco, Manuel António Pina e Ricardo Guerreiro Campos
  • Interpretação: Amélia Certal, Amélia Gaião, Cristina Chapa, Deolinda, Maria Alexandrina e Ricardo Guerreiro Campos
  • Vídeo: Samir Noorali
  • Composição Musical: Josef Kagan e Maria Noorali Kagan

Telefone: +351 266 747 047

Email: abruxateatro@gmail.com

Organização: ‘a bruxa TEATRO’ Associação

Apoios: DGArtes, Ministério da Cultura, Garantir Cultura, Câmara Municipal de Évora, Direção Regional de Cultura do Alentejo, Diana FM

Redimensionar o tamanho da letra
Contraste