Skip to main content

Originalidades da arquitectura tardo-gótica no Alentejo: o papel dinamizador de Évora | Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

Atualizado em 05/03/2024

A cidade de Évora, ao findar a Idade Média, assume uma importância política e social que transparece numa arquitectura própria, dotada de uma homogeneidade que, estendendo-se um pouco por todo o Alentejo, a diferencia do resto do País. Destacam-se quer a igreja de S. Francisco que, a par da sua monumentalidade, apresenta uma proposta única e excepcional, veiculadora de influências de um gótico mediterrânico, quer uma sensibilidade mudéjar ou, como a apelidou Gabriel Pereira (1847-1911), o mourisco ou amouriscado, imagem de referência da cidade e do Alentejo nesta época precisa da sua história. O Museu convidou o Historiador de Arte José Custódio Vieira da Silva para celebrar este dia.

Telefone: 266730480
E-mail: geral@mnfmc.dgpc.pt
Site: https://www.museusemonumentos.pt/pt/museus-e-monumentos/museu-nacional-frei-manuel-do-cenaculo-e-igreja-de-nossa-senhora-das-merces
Redes Sociais: https://pt-pt.facebook.com/museuevora/
Classificação etária: Público em geral
Preço: Entrada livre
Organização: Museu Nacional Frei Manuel do Cenáculo
Apoio: Museus e Monumentos de Portugal, E.P.E.